terça-feira, abril 04, 2006

ABRIL, DOCE ABRIL


Ao folhear a agenda cultural deste mês o meu coração pulula!! Ena, ena, tanta coisa boa que está para vir. Primeiro ainda vou tentar apanhar a “Orgia”, pelos Artistas Unidos, na Culturgest até 5ª feira. Depois, também não quero perder “A Gaivota” pela Cornucópia no Teatro do Bairro Alto (quando é que estes senhores começam a dar descontos aos espectadores assíduos? Já era...) Entretanto vem o INDIE, do qual tenho a certeza que os meus colegas monstros mais habilitados, falarão atempadamente. Mais para o final, outras peças suscitam a minha curiosidade.. a adaptação para teatro do livro “Materna Doçura” do Possidónio Cachapa, no teatro Cinearte (A Barraca) e, no Teatro São Luiz, numa onda mais comercial, uma companhia de mímica catalã, disserta sobre as “infinitas possibilidades de encenação de uma cadeira” (?) Nunca ouvi falar mas fiquei curiosa... E ainda era moça para espreitar o Gonçalo Ferreira de Almeida, no Estúdio Bomba Suicida, “travestido” de Anita O’Day...para algo completamente diferente..
Porra! Que má altura para andar com a carteira vazia... a ver se arranjo um namorado rico, para esta temporada..

4 Comments:

Anonymous riquinho said...

olha eu livre , mas tb sem dinheiro

4:51 da tarde  
Blogger passarola said...

eu não diria... lembro-me daquele riquinho dos livros aos quadradinhos que tinha uma mansão muito, muito, muito... grande... ;)

5:27 da tarde  
Anonymous Bento XVI said...

e não percas no Cinebolso "NA BIMBA E UM DESCANSO" de Alain Payet

6:28 da tarde  
Blogger primo do adamastor said...

parece que vou ter de ir mais ao teatro este mes. obrigado amiga monstra

3:20 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home